segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Pensando...

Tem dias que deveriam realmente ser apagados da vida da gente. Útil, mesmo, seria um cientista descobrir uma pílula que apagasse da nossa memória aquele dia que você queria muito que não tivesse existido/acontecido. E se isso acontecesse, eu tomaria vááriiaas, para esquecer até um bom tempo atrás. Tem coisas que eu realmente não entendo como faço. Sabe quando você está à beira de fazer uma idiotice, seu cérebro sábio está dizendo "não faça", mas você vai e FAZ. Deus, por favor, como a gente consegue ser tão idiota. A partir de agora quero me recolher à minha insignificância e sumir do convívio social. Tô precisando...

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

;~)


Já tinha um mês e resolvi ir nessa festa com cara de festa que você vai. Toda pessoa que entrava eu achava que era você. Assim como acho quando estou na rua, no supermercado, na fila do cinema, dormindo. Virei uma caçadora de você em todas as pessoas. Você havia se tornado parte da minha vida, e de qualquer maneira, era a melhor parte!Eu não gosto mais de você. Mas aí, eu faço questão de pensar e falar em você todos os dias. Só pra não perder o costume... Só pra ter em quem pensar... Depois te tantos anos fazendo isso, é quase rotina. E eu odeio sair da rotina! E a última vez que foi embora, antes me deu um abraço de quem nunca saiu do mesmo lugar. O abraço e o seu olhar de quem nunca sabe direito porque vai embora ficaram pra sempre comigo...
Aiai, você está indo agora, e mais do que nunca queria te dizer: cuida de você pra mim!

(Camila Brasil)